Aplicações da Inteligência Artificial na logística

Por: tegUP, aceleradora de startups.      

 

Não é novidade que a Inteligência Artificial tem o potencial de aumentar significativamente as capacidades humanas, possibilitando às máquinas identificarem padrões e tomarem decisões com base em aprendizado. 

 

Quando aplicada à logística, a IA pode otimizar a produção e manutenção das linhas de produção por meio do reconhecimento de imagem e interfaces conversacionais, que proporcionam maior interação entre humano e máquina. 

 

Ao contrário do que se pensa, o uso da IA aplicado à logística não é tão recente quanto parece. No início da década de 90, durante a crise do Golfo Pérsico em 1991, as forças armadas dos Estados Unidos criaram uma ferramenta capaz de realizar o planejamento logístico automatizado e a programação do transporte de 50 mil veículos, levando em conta os pontos de partida, destinos, rotas e resolução de conflitos em todo o percurso. A ferramenta permitiu que todo o planejamento do processo, que levaria semanas para ser concluído por métodos tradicionais, fosse feito em apenas algumas horas. 

 

Atualmente, novas tecnologias estão se desenvolvendo e de forma acelerada, possibilitando que cada vez mais aplicações sejam adicionadas ao setor. 

 

A perda de mercadorias devido a avarias, um dos principais problemas enfrentados pelooperadores logísticos hoje, pode ser evitada com a implementação de um sistema que acompanhe o trajeto dos produtos, evitando desperdício de matéria-prima e diminuindo os custos de reenvio. 

 

Investir em tecnologia para a análise de dados também ajuda a tornar a logística mais eficiente. Com sistemas que se baseiam em IA, é possível ter ótimos insights para otimizar os processos de produção e armazenamento, além de criar estratégias eficazes para a distribuição dos produtos. 

 

Mas o grande diferencial está em prever comportamentos para antecipar problemas e tomar ações estratégicas. Assim, é possível, por exemplo, antever situações que façam com que um cliente cancele o contrato ou deixe de comprar de você. 

00

Com o uso da IA, o setor de logística transformará seu padrão operacional, criando um modelo proativo, com custos favoráveis e ações voltadas para o consumidor. Desta forma, será possível utilizar o reconhecimento de imagem para rastrear remessas e ativos, por exemplo, ou até mesmo prever flutuações dos volumes de remessa antes que elas aconteçam. 

 

Sobre o Autor       

A tegUP é uma aceleradora de startups e braço de inovação aberta da Tegma Gestão Logística. A aceleradora apoia startups e empresas de tecnologia transformadoras que ofereçam produtos, serviços e tecnologia relacionados ao universo da Logística, apresentem alto potencial de evolução e necessitem de algum tipo de suporte para acelerar seu crescimento.        

www.tegup.com





Siga-nos nas redes:

Facebook Linkedin
.